PEDAGOGIA
CURSO DE LICENCIATURA EM
PEDAGOGIA

LEGISLAÇÃO: Curso reconhecido pela Portaria MEC/SERES n° 69/2015, de 29/01/2015 - publicada no DOU do dia 30/01/2015. Conceito: 4 no MEC

  • Apresentação do Curso

    O curso de Licenciatura em Pedagogia, por se tratar de um curso formador de professores apresenta-se como elemento fundamental à melhoria da Educação Nacional e da igualdade nas condições sociais da população. Nossos alunos serão os professores e os líderes de opinião das futuras salas de aula. Por isso, o ambiente acadêmico da Faculdade Sequencial transmite valores éticos e morais aos estudantes que são imprescindíveis à nossa sociedade e aos profissionais de Educação. Com uma equipe de professores Especialistas, Mestres e Doutores de larga experiência educacional o curso de Pedagogia apresenta um conteúdo programático de qualidade e a melhor experiência em ensino prático e teórico.

  • Número de Vagas

    O curso oferece 100 vagas em período matutino e 100 vagas em período noturno.

  • Legislação

    Curso reconhecido pela Portaria MEC/SERES n° 69/2015, de 29/01/2015, publicada no DOU seção 1, em 30/01/2015.

    Conceito do Curso - MEC (CC): 4 (2010).

  • Projeto Pedagógico

    O curso de Licenciatura em Pedagogia da Faculdade Sequencial tem como proposta formar verdadeiros Educadores e formadores de opinião pautados por valores éticos e morais habilitados a conduzir uma melhoria significativa do quadro Educacional do país.

     

    • No curso de Pedagogia da Faculdade Sequencial os alunos conhecerão a realidade de diferentes espaços de atuação e suas relações com a sociedade.
    • Ensino que estimula o desenvolvimento das competências e habilidades necessárias para atuar na educação formal, em diferentes contextos sociais e em espaços não escolares.

    » Projeto Pedagógico do Curso de Licenciatura em Pedagogia [EM PROCESSO DE ATUALIZAÇÃO - AGUARDEM]

  • Objetivos
    • Formar profissionais aptos às atividades docentes na Educação Infantil e nos anos iniciais do Ensino Fundamental, nos cursos de Ensino Médio, na modalidade Normal, de Educação Profissional;
    • Formar profissionais aptos para planejar, administrar, executar, coordenar, acompanhar e avaliar tarefas próprias do setor da Educação;
    • Desenvolver nos profissionais capacidades para o planejamento, administração, execução, coordenação, acompanhamento e avaliação de projetos e experiências educativas em ambientes não escolares;
    • Propiciar habilidades para a produção e difusão de conhecimento científico tecnológico do campo educacional, em contextos escolares e não escolares.
  • Público alvo

    Destina-se aos egressos do Ensino Médio e de Cursos Técnicos da Rede Pública e/ou Privada; professores; profissionais da educação e demais interessados na área de serviços e apoio educacional.

  • Certificação

    O estudante que concluir o Curso de Licenciatura em Pedagogia obterá o título de Licenciado em Pedagogia.

  • Diferencial
    • Curso de excelência com aulas presenciais.
    • Classe com número ideal de alunos, proporcionando maior integração e aproveitamento das aulas.
    • Atendimento individual ao aluno.
    • Equipe docente altamente qualificada: professores Especialistas, Mestres e Doutores com larga experiência educacional e acadêmica.
    • O Curso conta com atividades de pesquisa no campo de iniciação científica, na forma de grupos de estudo; atividades artístico-culturais; exposições temáticas; cursos de extensão e eventos acadêmicos visando a excelência na formação acadêmica.
    • Os estágios supervisionados são desenvolvidos a partir do 3° semestre do curso, propiciando assim a relação teoria e prática.
    • Parcerias com grandes empresas para estágio, que estimulam atividades extracurriculares em ambientes de atuação profissional e enriquecem a formação acadêmica.
    • Valorização do aluno, por meio da Bolsa Incentivo, que concede até 100% de bolsa para alunos com bom aproveitamento no exame vestibular.
    • Conexão Wireless em todo o campus.

     

    O aluno de Pedagogia contará com ampla infraestrutura didático-pedagógica:

    • Laboratórios de informática com acesso à Internet
    • Sala de Apoio Pedagógico para Orientação Compartilhada de Estágio e TCC aos alunos.
    • Quadra poliesportiva para o ensino da metodologia do ensino de educação física
    • Biblioteca com acervo diversificado e atualizado: livros e revistas especializadas na área educacional
    • Sala multi-meios para o ensino da metodologia de geografia e história
    • Sala multi-meios para o ensino da metodologia de matemática
    • Laboratório de anatomia, fisiologia e biologia: como espaço multi-meios para o ensino da metodologia de ciências.
  • Duração do curso

    Duração do curso:

    Turmas a partir de 2017: 4 anos (8 semestres)

    Turmas 2012 | 2013 | 2014: 3 anos e meio (7 semestres)

    Turmas 2015 e 2016: 3 anos (6 semestres)

    Períodos: Matutino e Noturno

  • Horários das aulas

    Período matutino:
    2ª a 6ª: das 08:15 as 11:00h
    Obs.: Um dia da semana haverá aula até às 11:50

    Período noturno:
    2ª a 6ª: das 19:15 as 22:00
    Obs.: Um dia da semana haverá aula com inicio às 18:20

  • Modalidade do curso

    Curso Presencial
    Aulas na Unidade I - Rua Eng. Aluísio Marques, s/n. Parque Maria Helena - Capão Redondo – SP

  • Área de atuação profissional

    O mercado de trabalho para o profissional em Pedagogia está se ampliando cada vez mais no Brasil. Além dos empregos tradicionais como a docência, a coordenação pedagógica e a gestão escolar em escolas particulares e públicas e a supervisão escolar em órgãos públicos ligados à educação, outras boas oportunidades de trabalho estão surgindo. O profissional de pedagogia pode também atuar em Empresas (setor de Recursos Humanos), em Editoras, em ONGs e em Hospitais.

  • Carga horária total

    Turmas 2012 | 2013 | 2014: Carga horária total de 3.210 horas,
    sendo 310 horas de estágio e 100 horas de atividades complementares.

    Turmas a partir de 2015: Carga horário total de 3.360 horas,
    sendo 310 horas de estágio e 150 horas de atividades complementares. 

  • Valor do investimento

    Valor integral de R$ 350,00 (mensais)

    Para pagamento até o dia 07 de cada mês desconto de 20% - R$ 280,00 (mensais)

    Para pagamento até o dia 10 de cada mês desconto de 10% - R$ 315,00 (mensais)

    Há descontos permanentes para pagamento até o vencimento e para parceiros e ex-alunos da Escola Sequencial. Informe-se na nossa Central de Atendimento.

     

    ENCARGOS FINANCEIROS A SEREM ASSUMIDOS PELOS ALUNOS

    O valor fixado para os serviços educacionais, não sofrerá reajustes durante o semestre letivo e obedecerá a variação de custos educacionais incorridos, conforme previsão constante na Lei nº 9.870/99 e do Decreto nº 3.274/99. Os valores das mensalidades serão divulgados, na forma e prazo fixados na legislação específica para o correspondente semestre letivo. Fica acordado que a CONTRATADA poderá, a seu exclusivo critério, escalonar o percentual de reajuste da mensalidade nos dois semestres letivos.

    Em caso de inadimplência, poderá a CONTRATADA cobrar multa de 2% sobre a parcela devida, juros de mora de 1% ao mês ou fração de mês e atualização monetária.

     

     

    TAXAS ESCOLARES

    Item Valor

    Penalidade Biblioteca (atraso na devolução de empréstimos de um dia isento, a partir do segundo dia será gerada cobrança retroativa)

    R$ 2,00 por dia
    Solicitação de Prova Substitutiva R$30,00
    Solicitação de Transferência de Turno (de acordo com disponibilidade de turma e vagas com mesmo calendário) R$ 50,00
    Solicitação de Trancamento (válido por 2 anos) R$ 50,00

    Solicitação de Reabertura de Matrícula/Aproveitamento de Estudos (Destrancamento – sem retorno na mesma turma)

    R$ 100,00
    Solicitação de Cancelamento (sem retorno na mesma turma) R$50,00

    Solicitação de Matrícula em Disciplinas (Dependência ou Adaptação) – consultar tabela de mensalidade vigente

    Carga Horária da Disciplina x Valor da Hora Aula na Turma

    Solicitação de Matrícula para Estágio (quando o aluno não realizou o estágio no período regular do curso -  todos os cursos,
    exceto Enfermagem)

    R$ 45,00 por semestre
    Solicitação de 2ª Via de Crachá Estudantil R$15,00
    Solicitação de 2ª Via Histórico Escolar R$ 30,00
    Solicitação de 2ª Via de Certificado ou Diploma R$ 120,00
    Solicitação de 2ª Via Declaração Escolaridade R$15,00
    Solicitação de Rematrícula fora do Prazo Estabelecido pela Escola R$ 50,00

     

    Observações:

    • O quadro acima apresenta os valores dos procedimentos escolares mais usuais, podendo haver outros determinados pela Direção;
    • Os valores são pagos por meio de cobrança bancária (boletos). A escola não recebe dinheiro, cheque ou cartão;
    • Os acordos e negociações são firmados por meio de documentos escritos (requerimento e confissão de dívida);
    • Maiores informações devem ser solicitadas diretamente na Unidade.
  • Documentos Necessários
    • Original e cópia: RG.
    • Original e cópia: CPF.
    • Original e cópia: Título de Eleitor (se maior de 18 anos).
    • Comprovante de obrigações militares.
    • Certificado e histórico escolar de conclusão do ensino médio ou equivalente.
    • Se concluinte de curso superior, além dos documentos pessoais, juntar cópia do diploma registrado no órgão competente.
    • Cópia do comprovante de residência com CEP.
  • Formação de turma

    A Faculdade Sequencial se reserva ao direito de não confirmar a matrícula dos requerentes quando o total de candidatos, por turma, for inferior a 40 alunos.

  • Calendário Acadêmico

    » Calendário Acadêmico 2017 - (ver documento)

    » Calendário Acadêmico 2016 - (ver documento)

  • Matriz Curricular
  • Manual do aluno

    Documento disponível para download:

    » Manual do Aluno - Faculdade Sequencial

  • Equipe Diretiva e Coordenação do Curso

    EQUIPE DIRETIVA

    Diretora Geral: Roudaina Hassan Zoghbi

    Vice Diretor: Otávio Schubert de Oliveira

     

    Coordenadora do Curso de Graduação - Licenciatura em Pedagogia:
    Cíntia Oliveira Pires Galego
    Licenciatura Plena em Letras com especialização nas áreas de: Didática do Ensino Superior, Psicopedagogia Clínica e Institucional, Psicologia Organizacional, Metodologia do Ensino à Distância e Mestranda em Gestão em Docência Universitária pela UCES - Universidad de Ciencias Empresariales y Sociales - Buenos Aires (Argentina) - Membro do NDE.

  • Manual de estágio

    O Manual de Estágio é disponibilizado aos alunos de cada curso somente no Portal do Aluno (acesso restrito a alunos ativos e cadastrados).

  • Manual de atividades complementares

    O Manual de Atividades Complementares é disponibilizado aos alunos de cada curso somente no Portal do Aluno (acesso restrito a alunos ativos e cadastrados).

  • Corpo Docente

    Cíntia de Oliveira Pires Galego
    Licenciatura Plena em Letras com especialização nas áreas de: Didática do Ensino Superiorl, Psicologia Organizacional, Metodologia do Ensino à Distância e mestranda em Gestão em Docência Universitária pela UCES - Universidad de Ciencias Empresariales y Sociales - Buenos Aires (Argentina) - Regime de horário: Integral - Membro do NDE

    Célia de Oliveira Abrahão
    Licenciatura Plena em Pedagogia, Habilitação em Administração Escolar; Especialista em Psicopedagogia; Mestrado em Psicologia. - Regime de horário: Parcial-Membro do NDE.

    Celso Ferraz
    Licenciatura Plena em  Educação Física e Pedagogia, Habilitação em Fisologia do Exercício e Treino; Mestre em  Educação Regime de horário: Horista .

    Ezaques da Silva Tavares
    Licenciatura Plena em Filosofia; Especialista em Psicopedagogia Clínica e Institucional; Mestre em Psicologia Educacional. - Regime de trabalho: Parcial.

    Geneci Vergara Marques
    Licenciatura Plena em Pedagogia; Especializações nas áreas de: Língua Portuguesa e Psicopedagogia Clínica e Institucional; Mestranda na área da Educação. - Regime de horário: Horista.

    Kacianne  Patrícia de Jesus Barbosa e Amorim
    Licenciatura Plena em história; Especialista nas áreas de Gestão Escolar e politica Educacional, Língua Portuguesa, Gestão Educacional, REDEFOR : Mestre em Gestão e Praticas Educacionais.- Regime de horário: Parcial. -Membro do NDE.

    Mariângela Carvalho Dezotti
    Licenciatura Plena em Pedagogia; Especialista em Educação Especial; Mestre em Educação.  Regime de horário: Parcial. -Membro do NDE.

  • Estágio Supervisionado

    Estágios Supervisionados Obrigatórios

    A partir do terceiro semestre letivo, os alunos do Curso de Pedagogia estão aptos a realizar o estágio curricular obrigatório, supervisionado.


    Estágio não obrigatório

    A Faculdade Sequencial mantém parcerias com grandes empresas como CIEE, NUBE, FUNDAP que oferecem oportunidades de estágios remunerados. Estas organizações selecionam jovens universitários para integrá-los aos programas de estágio, de aprendizagem e trainee. Além disso, oferecem milhares de ofertas de vagas aos recém-formados.

  • Biblioteca

    » Descritivo da Biblioteca da Faculdade Sequencial - Curso Pedagogia (ver documento)

    » Regulamento da Biblioteca da Faculdade Sequencial (ver documento)

  • Trabalho de Conclusão de Curso (TCC)

    O Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) é uma atividade acadêmica obrigatória que consiste na sistematização, registro e apresentação de conhecimentos culturais, científicos e técnicos, produzidos na área do Curso, como resultado do trabalho de pesquisa, investigação científica e extensão.

    O TCC tem, portanto, o objetivo de despertar no futuro profissional a atividade de pesquisa de tal forma que desenvolva habilidades de produção de conhecimento, através da organização de um trabalho de pesquisa, fazendo uso dos métodos da pesquisa científica e das normas técnicas da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas).

    » Manual de Orientação de Trabalho de Conclusão de Curso (ver documento)

    » Regulamento do Trabalho de Conclusão de Curso (ver documento)

  • PIBID - Programa Institucional de Iniciação à Docência

    1. Pibid – Programa Institucional de Iniciação à Docência

    O Pibid é uma iniciativa para o aperfeiçoamento e a valorização da formação de professores para a educação básica. O Programa é proposto e organizado pela Fundação CAPES (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal), e concede bolsas a alunos de licenciatura participantes de projetos de iniciação à docência desenvolvidos por Instituições de Educação Superior (IES) em parceria com escolas de educação básica da rede pública de ensino. Os projetos devem promover a inserção dos estudantes no contexto das escolas públicas desde o início da sua formação acadêmica para que desenvolvam atividades didático-pedagógicas sob orientação de um docente da licenciatura e de um professor da escola.


    2. Objetivos do Programa

    • Incentivar a formação de docentes em nível superior para a educação básica;
    • contribuir para a valorização do magistério;
    • elevar a qualidade da formação inicial de professores nos cursos de licenciatura, promovendo a integração entre educação superior e educação básica;
    • inserir os licenciandos no cotidiano de escolas da rede pública de educação, proporcionando-lhes oportunidades de criação e participação em experiências metodológicas, tecnológicas e práticas docentes de caráter inovador e interdisciplinar que busquem a superação de problemas identificados no processo de ensino-aprendizagem;
    • incentivar escolas públicas de educação básica, mobilizando seus professores como formadores dos futuros docentes e tornando-as protagonistas nos processos de formação inicial para o magistério; e
    • contribuir para a articulação entre teoria e prática necessárias à formação dos docentes, elevando a qualidade das ações acadêmicas nos cursos de licenciatura.

    3. Projeto “Identidades e Diversidades”

    O projeto institucional de Iniciação à docência da Associação Sequencial de Ensino Superior - Faculdade Sequencial tem como objetivo principal desenvolver ações e estratégias que possibilitem aos alunos bolsistas vivenciarem práticas docentes que contribuam com a sua formação e com a melhoria da qualidade de ensino da escola parceira.

    O projeto de iniciação à docência intitulado ‘Identidades e Diversidades” realiza ações pedagógicas com alunos do 2º ao 5º ano do ensino fundamental da E. E. Profª Carolina Cintra da Silveira (Código INEP: 35041051).

    Desde a antiguidade as discussões acerca do tema identidade atrelavam-se às preocupações nos campos político e social. Ao chegar ao templo de Apolo, em Delphos na antiga Grécia o filósofo Sócrates depara-se com a seguinte frase: “Conhece-te a ti mesmo”, sendo evidenciado que tal conhecimento é a fonte de todos os demais saberes. É a identidade o que torna singular cada pessoa e, portanto, diferente de todas as outras. O processo de saber quem somos, nossa história de vida, heranças étnicas e raciais, qualidades, fragilidades, valores, crenças, hábitos culturais, religiosidade, classe social, formação familiar entre outros aspectos, permite que nos conheçamos mais. Quanto mais nos conhecemos, maiores são as possibilidades de mobilização de recursos internos de autocontrole, ou seja, controle sobre a maneira como pensamos e agimos no mundo, portanto, é através do autoconhecimento que podemos empreender projetos pessoais de autodesenvolvimento. As relações sociais que o indivíduo estabelece também contribuem para a sua formação identitária, e a qualidade destas relações dependem primeiramente do bom relacionamento que cada um estabelece consigo mesmo. As preocupações com a formação do homem integral, também anunciada no conceito grego de Paidéia já preconizava uma educação que privilegiasse o desenvolvimento das quatro dimensões do ser: o Logos, a dimensão do pensamento, da razão, da ciência, da cognição; o Pathos, a dimensão do sentimento, da afetividade, da empatia; o Eros, a dimensão das pulsões, dos impulsos, da corporeidade e por fim o Mythos, a dimensão da transcedentalidade. Na busca por este ideal de homem, o desenvolvimento deste projeto justifica-se pela própria formação da identidade do nosso país - um país plural. O Brasil é um país que caracteriza-se por uma imensa heterogeneidade de raças, etnias, e portanto, revela uma diversidade cultural e social que precisa ser apresentada às nossas crianças como “riqueza” e não simplesmente como diferença. O conceito de “diferença” isoladamente, pode no entendimento das crianças atrelar-se aos adjetivos de ”melhor” ou “pior”, o que descaracteriza a sua valorização. Portanto, o projeto “Identidades e Diversidades” privilegia desenvolver atividades que proporcionem aos alunos realizarem um processo de autoconhecimento por meio de um resgate cultural de suas origens étnicas, culturais e sociais. O caminho a ser trilhado prevê que cada aluno percorra etapas essenciais para o (re) conhecimento de sua identidade, o que acarretará consequentemente num processo de autoconhecimento de suas potencialidades e fragilidades, contribuindo para a autovalorização e melhoria da autoestima.

    Conhecer-se e aceitar-se em sua “inteireza” é o primeiro passo para o desenvolvimento pessoal e social dos alunos. Os projetos que privilegiam a pluralidade cultural não podem prescindir do processo de reconhecimento identitário, em especial na formação do indivíduo para os valores. Esta identidade por sua vez, constitui-se socialmente na relação com o outro, e deve ser pautada em princípios éticos.

    Esta identidade por sua vez, constitui-se socialmente na relação com o outro, e deve ser pautada em princípios éticos. As estratégias para o desenvolvimento do projeto contemplarão ações docentes diversificadas e adequadas a cada faixa etária dos alunos envolvidos neste projeto, ampliando a capacidade leitora e de produção de textos dos mesmos, tais como: atividades com os nomes próprios (história do nome, a pesquisa na certidão de nascimento, história dos nomes dos pais, jogos com os nomes); atividades que envolvam o resgate da origem étnica,racial e cultural (árvore genealógica, entrevistas com os pais e outros antepassados); atividades artísticas (produção de autorretrato, exposição de fotos, encenação teatral, musicalização, jogos corporais e dinâmicas de grupo); atividades de leitura e escrita (contação de histórias e recriação das histórias envolvendo a temática do projeto, leitura e interpretação de poesias e músicas e criação de ambiente virtual (blog) como um recurso tecnológico do grupo para socializar as atividades e aprendizagens desenvolvidas. A metodologia de ensino do projeto será pautada nos pressupostos de Paulo Freire, envolvendo momentos de reflexão, debate, ação propositiva e socialização das produções dos alunos. As estratégias pedagógicas irão contemplar atividades conjuntas entre os bolsistas - estes como mediadores metódicos de todas as etapas e professores da escola parceira.

    Para o desenvolvimento das atividades serão otimizados os diversos espaços escolares, tais como salas de aulas, biblioteca, laboratório de informática e quadra poliesportiva. Estas atividades pretendem incentivar a participação de toda a comunidade escolar (alunos,professores, agentes escolares, equipe pedagógica e familiares). As estratégias didático-pedagógicas utilizadas para a realização destas atividades estarão em consonância com as possibilidades oferecidas pelo espaço escolar, o que não eximirá os docentes licenciandos de buscarem o exercício de uma prática pedagógica criativa e crítica.

    4. A ESCOLA PARCEIRA

    A Escola Estadual Profa. Carolina Cintra da Silveira localiza-se na Zona Sul de São Paulo, região periférica, populosa, que apesar do crescimento da região, da chegada do metrô, ainda sofre por causa dos altos índices de periculosidade. Foi criada em 1.952 pela Lei nº 8.712 de 11 de outubro de 1.952 e instalada em 1979 pela Lei nº 1.167 de 16 de agosto de 1.979.

    Tem como objetivos gerais erradicar a evasão, universalizar o atendimento, melhorar a qualidade de ensino, promover valores humanos, contribuir para a formação da personalidade do aluno, difundir o conhecimento, incentivar a leitura, a formação continuada em serviço, aprimorar o atendimento ao público, integrar escola e comunidade, respeito e conservação do meio ambiente.

    O quadro escolar é composto de uma média de dois mil e trezentos alunos, com faixa etária entre cinco a cinqüenta anos, de classe média-baixa. Esses alunos estão divididos nos dois cursos que a escola oferece: Ensino Fundamental e Ensino Médio (Regular e Educação de Jovens e Adultos).

    É uma escola de passagem, pois a clientela não é proveniente do seu entorno, mas oriunda de outras regiões, o que dificulta uma identidade escolar, percebendo-se a ausência significativa da participação da comunidade no âmbito escolar.

    Os alunos são conscientes de suas potencialidades acadêmicas, apresentando, nos últimos anos, uma sensível melhora no desempenho escolar e disciplinar.

    Os pais e responsáveis almejam que seus filhos recebam um ensino de qualidade, que se tornem cidadãos críticos, adquirindo habilidades e competências para ingressar no mercado de trabalho e dar continuidade nos estudos, para realização de seus sonhos e melhorar a qualidade de vida.

    Atualmente o corpo docente é formado por uma grande maioria de professores efetivos que estão em busca de formar a identidade da escola, a implementação de metas pedagógicas, o trabalho contínuo para o sucesso escolar.

    O atual diretor da instituição escolar é o professor Alcimar Roberto Klen Alves, o qual reconhece a necessidade de projetos complementares às ações escolares para contribuirem com a melhoria da qualidade de ensino dos alunos atendidos.

    5. Equipe do Projeto Pibid:

    Bolsistas:
    - Daiane de Oliveira Lima – Pedagogia – N5 – 3º semestre
    - Jéssica do Nascimento Candido Silva – Pedagogia – N3 – 5º semestre
    - Mayara Caroline Silva Nery – Pedagogia – N3 – 5º semestre
    - Maria Cristina dos Santos Sobrinho – Pedagogia - N5 – 5º semestre
    - Nanci Ribeiro da Silva Branco – Pedagogia – N2 – 7º semestre

    Supervisor do Pibid na escola:
    - Gilmar Elias – Professor Coordenador

    Coordenadora Institucional:
    - Profª Ms. Célia de Oliveira Abrahão.

    6. Formação das bolsistas:
    Há um processo sistemático e contínuo de formação das bolsistas no projeto.

    Desde o início do mesmo em 14/03/14 a equipe do projeto Pibid reúne-se uma vez por semana, todas as quintas-feiras das 15h00 às 18h30 horas para planejamento, pesquisa, estudo, problematização e vivência das atividades a serem realizadas com os alunos na escola parceira.

    Seguem abaixo as temáticas, conteúdos e ações de formação já desenvolvidas com as bolsistas do Projeto “Identidades e Diversidades”:

    - Conceito de Identidade e Diversidade Cultural – estudo dos PCNs – Parâmetros Curriculares Nacionais;

    - Os conceitos de Levy Vygotysky sobre Identidade;

    - Pedagogia da Presença – livro de Antonio Carlos Gomes da Costa;

    - Visita ao Museu Afro Brasileiro;

    - Plano de Trabalho – plano de ações do projeto Pibid na escola, planos de aula e a prática reflexiva do registro;

    - Participação em reunião com professores e reunião de pais;

    - Oficina de autorretrato;

    - Oficina de Fanzine;

    - “Temáticas desenvolvidas com os alunos: redação “Conceito de Identidade”“ Projeto Identidades e Diversidades”, “Quem sou eu”, “História do nome e sobrenome”, “Autorretrato”, “Origem familiar”, “Fanzines – um instrumento de comunicação pessoal”;

    - Assessoria acadêmica com a professora de livre docência da FEUSP Teresa Cristina Rego;

    - Palestra sobre: “Motivação”;

    - Estudo leitura e Relatório dos livros:

    - Pedagogia do Oprimido – Paulo Freire;

    - Mentes Inquietas – Ana Beatriz Barbosa Silva;

    - Medo e Ousadia – Paulo Freire e Ira Shor;

    - *Pedagogia da Autonomia: Saberes Necessários à prática educativa – Paulo Freire;

    - Pedagogia da Solidariedade – Paulo Freire;

    - Estudo sobre: As sete necessidades básicas de uma criança;

    - Estudo sobre: Educação Sexual ;

    - Estudo sobre: Cada um fazendo a sua parte;

    - Participação do 1º Encontro Pibid do Estado de São Paulo na FEUSP;

    7. Anais de Congresso
    ABRAHAO, C. O. ; LEMOS, N. S. ; Almeida, Aline Martins de . Prática, teoria e reflexão crítica: Indissociabilidade na formação de todo professor. In: I Seminário PIBID/ SUDESTE e III Encontro Estadual do PIBID/ES - Avaliação, Perspectivas e Metas, 2015, Aracruz. I Seminário PIBID/ SUDESTE e III Encontro Estadual do PIBID/ES - Avaliação, Perspectivas e Metas, 2015.

    8. Eventos Pibid
    - Seminário Pibid – 21/10/14 – Semana de Pedagogia da Faculdade Sequencial;

    - Feira Cultural – 06/12/14– E.E. Carolina Cintra da Silveira;

    - Ouvinte de Defesa de Mestrado na PUC - SP – 18/09/15;

    - Participação da I Jornada da Pedagogia da Faculdade Sequencial: “Oficina: Valorização da Identidade” – 14/10/15;

    - Feira Cultural – 13/11/15 - E.E. Carolina Cintra da Silveira.

    Registro das atividades: Fotos em sala de aula,depoimentos das atividades realizadas pelas bolsistas divulgados na área de Eventos do site.

  • Projeto Integrador

    O Projeto Integrador é uma atividade interdisciplinar proposta aos alunos do 1º, 2º, 3° e 4º semestres da Faculdade Sequencial. O foco principal do projeto é propiciar aos alunos um embasamento prático dos conceitos teóricos adquiridos através dos conteúdos programáticos ministrados em sala de aula em torno de uma atividade única.

    Faça o download do manual.

CONHEÇA OUTROS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE SEQUENCIAL: